Sobre “botecar”

Certa vez, o meu amigo Eduardo Maia lançou – à mesa no Pé Pra Fora – a tese de que o jeito de botecar (botecar = freqüentar botecos) no Rio de Janeiro é diferente do de São Paulo, que é diferente do de Belo Horizonte.

Para os cariocas, pensa o Eduardo, o pecado de um bar é não servir cerveja ou chope bem gelados. Os mineiros não perdoariam um tira-gosto que não tenha um molhinho no qual seja possível passar o pão. E os paulistanos não se importariam mais com o ambiente arrumadinho do que propriamente com a temperatura da bebida ou a qualidade da comida.

Não é bem assim, como sabemos. O que faz o sucesso de um boteco – no Rio, em São Paulo, em Beagá e em qualquer lugar – é justamente o conjunto desses três quesitos. E nas três cidades encontramos botecos simplérrimos mas estupendos, assim como temos bares bonitinhos mas ordinários.

Sinto orgulho de ter em São Paulo, por exemplo, um lugar como o Famoso Bar do Justo, em Santana, com suas porções de lombinho e de tremoço bombando sobre as mesas da calçada e do salão feioso, enquanto a freguesia é abastecida a todo momento da Brahma sempre gelada.

Como fiquei feliz da vida ao conhecer, por intermédio da minha colega blogueira Fernanda Thedim, o Boteco Casual, no centro do Rio. Arrumadinho, sim (e qual o problema?), com chopinho decente e uma porção de polvos estufados que foi das grandes descobertas do ano. Servido numa travessa de alumínio, o molusco vem temperado com alho, azeite, cebola, tomate, vinho branco e conhaque. É inadmissível alguém deixar esse caldinho de lado.

E para você, o que faz a diferença num boteco de verdade?

Boteco Casual. Travessa do Comércio, 26, centro, tel. (21) 2232-0250.

O Famoso Bar do Justo. Rua Alferes Magalhães, 25-29, Santana, tel. (11) 2979-7195.

PS 1: recomendo uma visita ao blog Meu Pé Sujo, que me foi indicado pelo grande Tadeu Nogueira, um dos editores de arte de VEJA. Essa turma faz uma defesa intransigente dos botecos mais simples, de bairro, feiosos – os tais pés sujos, que aqui em São Paulo chamamos de sujinhos e os mineiros conhecem por copos sujos. Nada de chope, só cerveja de garrafa.

PS 2: fiquei feliz ao saber, dias atrás, que o Boteclando foi citado no blog do Juarez Becoza, que fica hospedado no site O Globo Online. Blogueiros boêmios, uni-vos!

12 thoughts on “Sobre “botecar”

  1. Caro Miguel, obrigado pela citação do nosso blog “Tire as mãos do meu pé sujo”. Defendemos com ardor a cerveja de garrafa -600ml- por considerá-la socializante. E os pés sujos por serem descontraídos, aconchegantes e, lógico, por venderem cerveja de garrafa. Abração e vida longa aos cervejeiros. parafraseando Cazuza: ideologia, eu quero uma pra beber.

    Like

  2. A combinação perfeita de cerveja gelada (de garrafa!) e petisco no capricho aliados, claro, ao bate-papo com o dono do boteco.Numa tarde quentes dessas que fazem por aqui, não tem preço! O resto da propaganda já se sabe…AbsP.S- Uni-vos e bebei, irmãos de copo!

    Like

  3. Miguel, escribo desde Lima, Perú… voy a viajar con mi novia a SP el 25 de diciembre, y queria saber si me podias recomendar bares donde pueda escuchar buena musica, de bandas locales de rock. He buscado agendas de musica, pero hasta ahora no he encontrado nada bueno…abrazosergio

    Like

  4. Boa, Miguel! Gracas aos santos Gobbos protetores dos botecos ainda ha botequeiros com bom senso, como Vc. O que tem de nego por ai fazendo* regra sobre o tema eh uma enormidade… Abracao, Edgard.

    Like

  5. Caro Miguel, tomamos conhecimento do seu blog através de um amigo em comum ( o Carlão), e gostaria de aproveitar a oportunidade para convida-lo para degustar uma porção de pernil que é inigualavel e a sardinha escabeche que é a preferencia do nosso amigo Carlão. Aproveito para parabeniza-lo a você e convida-lo a conhecer o Famoso Bar Do Justo que fica na Rua Aferes de Magalhães, 135 tel 2979.7195. Você esta convidado pelo amigo Waltinho, que é o Comandante do estabelecimento.

    Like

    • Olá Murilo.
      Obrigado por seus comentários.
      Conheço o Bar do Justo de outros carnavais.
      espero voltar em breve.
      Obrigado, volte sempre ao blog.

      Like

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s